Tickford, um Land Rover de luxo em 1948!

O modelo Tickford foi lançado logo após o lançamento do modelo original Land Rover em 1948. 
O modelo original do Land Rover série 1 logo se estabeleceu como um veículo competente para uma variedade de atividades fora de estrada. A fabricante de Solihull – ROVER, logo percebeu que poderia haver mercado para uma versão mais confortável do mesmo veículo para trabalhos “on road” como, por exemplo, no transporte de pessoas, mas ainda assim mantendo toda a capacidade de trafegar no fora de estrada do outro modelo.
A fabricante TICKFORD foi então contratada para desenhar o novo modelo que seria conhecido como STATION WAGON e concebeu o carro em chapas de metal (em sua maioria alumínio) em uma estrutura feita em madeira, como eram as carruagens da época (especialidade da TICKFORD). 
Internamente o SW tinha capacidade para transportar 7 pessoas com a adição de 4 assentos na parte traseira, que poderiam ser dobrados para aumentar o espaço de carga. O acesso poderia ser feito pela frente, pelo banco do passageiro e também pela tampa traseira. 
O acabamento da carroceira era luxuoso para a época com um grande parabrisa dianteiro inteiriço, espelhos laterais dobráveis e até mesmo uma capa metálica para proteger o estepe que ficava sobre o capuz do motor.
O “Station Wagon” deu a impressão na época de ser um veículo mais comercial (e não utilitário). Este erro na interpretação da utilidade do veículo pelo analisador da Receita Inglesa fez com que a taxa de impostos sobre sua compra o tornasse mais caro, inflando o preço de venda a 959 libras, na mesma época o modelo normal (utilitário com capota de lona) era vendido a 580 libras esterlinas.
Até o final de sua produção, em 1951, somente 641 veículos deste tipo foram montados, dos quais aproximadamente 600 foram exportados. Estima-se que na Inglaterra somente 20 unidades estejam ativas nos dias de hoje.
No Brasil temos algumas unidades ainda em utilização, na mão de colecionadores, o empresário MARIO BARROS DO AMARAL montou estes carros em regime CKD em São Paulo, sua sede era na Avenida Presidente Wilson, próximo à maioria das montadoras da época.
Uma unidade fabricada em 1949 foi recentemente doada ao Heritage Motor Centre Museum, que fica em Warwikshire.