O Land Rover Série I

O Land Rover Série I

Em 1948 iniciou-se o mito Land Rover.

O primeiro Land Rover fabricado tinha tração 4x4 integral, isso mesmo, o 4x4 dos primeiros Land Rover não era desligado, ele possuía um engenhoso sistema de roda livre no cardan dianteiro, que desengranava o trem dianteiro inteiro, deixando a tração somente no trem traseiro.

Nesta época, a distância entre eixos (que até hoje determina o modelo do veículo) era de 80 polegadas (2.032mm) e o motor era de 1.600 cilindradas, câmbio de 4 marchas com terceira e quarta sincronizadas, caixa de transferência e tração 4x4 e diferenciais fabricados pela Rover.

Sempre com a bomba elétrica de gasolina alternativa (característica dos veículos ingleses dos anos 50, fazendo "cleck-cleck), que assustou muito os proprietários do veículo no Brasil, tanto pela falta de conhecimento para o conserto como também pela falta de peças de reposição.

A característica da frente destes primeiros Land Rover eram os faróis, que eram montados para dentro da grade, isto é, não era necessário ter protetores de farol, eles vinham de fábrica.

Logo depois, em meados de 1950, novo modelo era introduzido, com os faróis fora da grade, ainda montados no centro, entre os paralamas, e que continuou marca registrada por muito tempo.

Em 1954 uma grande evolução, ainda com chassis de 80 polegadas, os Land Rover eram então vendidos com motorização de 2.000 cilindradas "bem" mais potentes.

No final do ano mais uma surpresa, o lançamento do 86 polegadas (2.184mm) um pouco mais comprido que o anterior e com diversas modificações que aumentaram o conforto, os pedais não eram mais no assoalho, característica do modelo anterior, um painel maior, e surgiram as "ventarolas" separadas (no modelo 80 polegadas a ventarola era grande e única) com alavancas internas quase iguais às que existem hoje em dia.

Continuando com o farol dentro dos paralamas, motor de 2.000 cilindradas, mesmo câmbio, mesmo diferencial, mesma caixa de transferência, a fábrica também iniciou a venda do "Station Wagon", uma perua, com capota, com bancos e capacidade de transportar até 7 pessoas, não fez muito sucesso pois o valor do imposto era muito grande na época, impedindo os fazendeiros de comprá-los.

Outro grande evento foi o lançamento do Land Rover 107 polegadas (2.717mm) com 5 portas, permitia transportar até 10 pessoas, com a mesma motorização e conjunto propulsor.

Curiosamente não houve distinção, nem pela fábrica, nem pelos aficcionados, dos modelos 80" e 86", que podem ser facilmente identificados pelo tamanho, posição dos pedais e painel.

Na próxima coluna, o Land Rover Série II.